Como gerar leads qualificados com a combinação de busca orgânica e busca paga? Skip to main content

Com o objetivo de conquistar melhores resultados do marketing digital, diversos gestores estão buscando maneiras de como gerar leads e aumentar as vendas. 

Nesse sentido, dentre as principais estratégias que têm ganhado espaço no mundo corporativo destacam-se as iniciativas orgânicas e pagas.

Para se ter uma ideia, de acordo com o levantamento Perspectivas do Marketing Digital 2021, elaborado pela mLabs, 60% das empresas desejam investir em SEO, enquanto 63% querem adotar ações de Inbound Marketing (ou Marketing de Atração) e, ainda, 63% consideram o investimento em links patrocinados. 

No entanto, muitos gestores se questionam a respeito da viabilidade da busca orgânica e busca paga, assim como quais geram melhores resultados para seus negócios. Afinal, vale a pena aderir essas estratégias para como gerar leads qualificados? 

Para responder esse questionamento e te ajudar a compreender as principais diferenças entre essas iniciativas, elaboramos um conteúdo completo. Continue com a sua leitura e saiba mais!

Você pode se interessar: Vendas complexas B2B: o que são e como otimizar esses fluxos?

Entenda as diferenças entre busca orgânica e busca paga

A priori, é preciso destacar que ambas as ações geram resultados expressivos. Entretanto, dependem de um planejamento muito bem feito, de acordo com as necessidades da empresa e público. 

Com isso em mente, é preciso entender quais são as principais características dessas iniciativas e as diferenças entre elas. Confira:

Busca orgânica

Você, com certeza, já deve ter feito alguma busca na internet para tirar dúvidas ou, até mesmo, procurar por serviços ou produtos. 

Por sua vez, ao buscar algum termo, a ferramenta te traz resultados que melhor correspondem à sua pesquisa. 

Esses links são chamados de “busca orgânica”, ou seja, sites que são exibidos de maneira “natural” na primeira página de mecanismos como o Google.

Para que essa seleção seja feita, os buscadores analisam diversos atributos dos sites e das próprias páginas da web, como a relevância do conteúdo disposto, qualidade do material, densidade das palavras, hiperlinks, imagens, autoridade do domínio e aspectos de SEO (Search Engine Optimization ou otimização para mecanismos de busca). 

Busca paga

Por outro lado, vamos imaginar a mesma pesquisa que mencionamos no tópico anterior, você deve reparar que alguns links aparecem em destaque no topo da página, certo? Pois bem, esses resultados são chamados de “busca paga”.

Na prática, também chamada como links patrocinados, a busca paga é feita pelo Google Ads, sendo caracterizada pela monetização de palavras-chave estrategicamente escolhidas para aparecerem acima dos resultados orgânicos. 

Com isso, a sua empresa paga um determinado valor, de acordo com o tipo de anúncio definido, para gerar tráfego e leads qualificados para o seu site.

De modo geral, esses links são exibidos independentemente do tempo que o seu website possui ou, ainda, do período que o seu negócio realiza estratégias de marketing digital. 

Leia mais: O que é automação de vendas B2B e como implementá-la no seu negócio?

Quais os benefícios de combinar ambas as estratégias?

Muitos gestores acabam cometendo o “erro” de focar apenas em uma dessas iniciativas em suas ações digitais. 

No entanto, a melhor maneira de aumentar os resultados de marketing e vendas é combinando a busca orgânica e a busca paga [Google Ads]

Investir em ambas as estratégias proporciona às organizações ganhos como:

  • Potencializa o tráfego do site;
  • Aumenta o volume e qualidade das conversões;
  • Geração de novos negócios;
  • Proporciona visibilidade à marca;
  • Melhor administração de custos;
  • Os resultados duram por muito mais tempo.

Como gerar leads com busca orgânica e busca paga?

Para entender como gerar leads qualificados com busca orgânica e paga, algumas dicas são fundamentais, tais como:

Faça um planejamento e estudo de palavras-chave

O primeiro passo de qualquer estratégia de marketing é sempre o planejamento. Para tal, estude muito bem o seu público e conheça o seu cliente ideal, de modo a definir as palavras-chave mais estratégicas para esses prospects.

Além desses termos-chave, o planejamento deve considerar também as metas do seu negócio com as ações de marketing digital, canais utilizados e investimentos necessários, tanto em ferramentas quanto em mão de obra. 

Utilize o SEO e Marketing de Conteúdo

Lembra-se que falamos acerca da otimização para buscadores? Pois bem, esse é o SEO. De modo geral, trata-se de uma iniciativa que estabelece uma série de padrões para adequar páginas da web aos mecanismos de busca e, com isso, garantir melhores posicionamentos.

O Marketing de Conteúdo, por sua vez, sustenta a busca orgânica e trata-se de um dos pilares do Marketing Digital. Na prática, dificilmente haverá alguma conversão ou resultados positivos sem conteúdos relevantes, adequados e atualizados. 

Veja também: O que é marketing de atração e como essa estratégia gera leads?

Defina ferramentas para acompanhamento 

Tanto a busca orgânica, quanto a paga necessitam de ferramentas apropriadas para acompanhamento dos retornos gerados. 

No caso dos links patrocinados, o Google Ads disponibiliza um painel completo e detalhado, que permite entender informações minuciosas acerca dos anúncios definidos.

No entanto, é possível contar com outros recursos para analisar os resultados dessas iniciativas e identificar oportunidades de otimização, erros ou quaisquer outros aspectos que possam prejudicar as estratégias. 

Você pode ter perdido: Pós-pandemia: o que esperar da prospecção de leads no “novo normal”?

Conheça a ASB Marketing!

A ASB Marketing pode ajudar o seu negócio a potencializar os resultados digitais com busca orgânica e paga por meio das soluções de Prospecção Ativa e Marketing de Atração

De modo geral, auxiliamos a sua empresa na construção de estratégias digitais completas, desde a elaboração de sites otimizados até o monitoramento dessas ações.

Na prática, encontramos o seu cliente em potencial por meio de Big Data e o qualificamos com Inteligência Comercial. Em seguida, nutrimos esse lead com uma cadência de e-mails totalmente automatizada e personalizada.

Quando esse contato está preparado para negociar com a sua empresa, apenas o repassamos ao seu time comercial para fechar a venda.

Além disso, realizamos todas as estratégias para potencializar a geração de leads por mídia orgânica, com estudo completos de palavras-chave, construção de conteúdos relevantes e aplicação das técnicas de SEO.

Deseja saber como gerar leads qualificados para o seu negócio? Entre em contato agora mesmo com a nossa equipe!

Baixe nosso guia completo para empresas B2B e saiba como aumentar os resultados da sua área comercial.

Deixe uma resposta